Jundiaí, Terça-Feira, 10 de Dezembro de 2019

Ata de fundação UNI Terreiros é assinada e segue para registro


Após elaboração do documento, os diretores assinaram e nos próximos dias acontece o registro em cartório.

Na noite da terça-feira, 20 de fevereiro, aconteceu a segunda reunião de 2018, da UNI Terreiros - UNI Terreiros – União das Comunidades de Terreiros de Jundiaí e Região, associação sem fins lucrativos, que reúne os templos de Umbanda e Candomblé.
 
A reunião ordinária aconteceu o Centro de Umbanda O Barracão de Pai José de Aruanda, localizado na rua Lima, 366, Ponte São João, que tem como dirigentes Pai Alexandre Falasco e Mãe Silmara Falasco.
 
A abertura do encontro foi feita pelo anfitrião, Pai Alexandre Falasco, diretor de Eventos, que ressaltou a importância do movimento que começou com a formação da UNI Terreiros. “Temos a oportunidade, nas reuniões mensais, que ocorrem fora do dia dos trabalhos das casas, de interagirmos com os Templos de Umbanda e mostrarmos que temos organização”, disse.
 
Gihad Ahmid Abou Abbas, presidente da UNI Terreiros, apresentou a pauta de discussão. A prioridade foi a assinatura da Ata de Fundação que será registrada nos próximos dias no cartório. Informou também, que uma nova dinâmica de trabalho começa a funcionar para agilizar os processos de registro das reuniões e divulgação das atividades.
 
Dentre estes processos o presidente comunicou que o portal da Uni Terreiros está no ar, no endereço eletrônico www.uniterreios.com.br. "Este espaço digital será mais um canal de comunicação das atividades da associação e também trará um mapa, para que os dirigentes do templos e terreiros, cadastrem suas casas", acrescentou Gihad Ahmid.

“Os dirigentes poderão inserir informações, fotos e o seu histórico preenchendo os campos disponíveis”, explicou Alexandre Falasco, responsável pelo desenvolvimento do portal.
 
Cadastro
 
O presidente ressaltou a importância da ficha de filiação, que será encaminhada. "É para termos uma dimensão dos terreiros em atividades em Jundiaí e região. Possibilitará saber quem está com a gente”, acrescentou.
 
Participação
 
No dia 1º  de fevereiro, a UNI Terreiros, por intermédio do seu presidente Gihad Ahmi participou do debate na Câmara Municipal de Jundiaí sobre intolerância religiosa. “O encontro reuniu representante católicos, evangélicos e proporcionou discutir a importância das religiões de matriz afro (Candomblé e Umbanda)”, disse o presidente.
 
Encontro de Março
 
A próxima reunião da Uni Terreiros acontece no Templo de Umbanda Oxumaré e Caboclo Luar da Mata, no dia 14 de março, às 19h30. Ele fica localizado na rua Ana Néri, 72 – Vila Aparecida.